Mês: janeiro 2012

Sistema Estadual de Transporte em Saúde ganha novos veículos

Fonte: Agência Minas

Investimento de R$ 13,8 milhões vai beneficiar população de 80 municípios mineiros

BELO HORIZONTE (25/01/12) – O governador Antonio Anastasia entregou, nesta quarta-feira (25), 74 micro-ônibus e sete veículos de apoio para 13 Consórcios Intermunicipais de Saúde. Os veículos beneficiarão, em 80 municípios de diversas regiões do Estado, pessoas que necessitam de consultas médicas, exames e procedimentos especializados em saúde fora de seus municípios. O investimento do Governo de Minas foi de R$ 13,8 milhões.

Anastasia ressaltou o objetivo do Sistema Estadual de Transporte em Saúde (Sets) de humanizar o deslocamento dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) em Minas Gerais para unidades referenciadas nos municípios polo, micro e macrorregionais do Estado.

“A entrega desses veículos para o Sistema Estadual de Transporte de Saúde é algo muito importante porque dá, de fato, qualidade e mais segurança no tratamento das pessoas. Muitas vezes as pessoas não percebem, mas as cidades pequenas de Minas não têm condições de ter toda estrutura de saúde. Então é necessário o transporte para os municípios maiores aonde existe, por exemplo, hemodiálise. Esse sistema tem esse objetivo. Já estamos quase, como viram no mapa, universalizados em Minas e pretendo fazê-lo esse ano ainda”, disse o governador.

Contemplados

Os 80 municípios contemplados nesta quarta-feira representam uma população de 1,4 milhão de pessoas. Durante a solenidade, o governador fez a entrega de chaves a 13 prefeitos, representando cada um dos consórcios.

Sete consórcios estão sendo contemplados pela primeira vez e receberão 60 micro-ônibus. Eles atenderão a 63 municípios das regiões de Conselheiro Lafaiete/Congonhas; Barbacena; Santa Maria do Suaçuí/São João Evangelista; Resplendor; João Monlevade; Cataguases/Leopoldina e Varginha.

Dos demais micro-ônibus, oito vão para o Consórcio Acispes, da região de Juiz de Fora, na Zona da Mata, para substituição de veículos. Os outros seis irão compor a frota de cinco consórcios que já fazem parte do programa: Consórcio Grão Mogol, da região de Francisco Sá; Consórcio Norte, da região de Brasília de Minas; Ciesp, de Bicas; CIS Mem, da região de Águas Formosas e Consórcio Amapi, da região de Ponte Nova.

O secretário de Estado de Saúde, Antonio Jorge de Souza Marques, destacou entre as vantagens do Sets a queda na ausência dos pacientes em consultas e exames marcados devido à falta de meios de locomoção, a redução dos custos com transporte de pacientes e a melhoria na qualidade do transporte dos usuários.

De acordo com o secretário, ao Sistema Estadual de Transporte em Saúde se aliam outras ações de Saúde do Governo, como a implementação dos Consórcios Intermunicipais de Saúde.

“Cruzamos a necessidade onde as redes de saúde já estão implantadas exatamente para que possamos fortalecer a ação das redes. Os consórcios de saúde regionalizaram os atendimentos de média complexidade e era necessário garantir o acesso do cidadão, feito anteriormente, em ambulâncias precárias e outros meios que colocavam em risco sua saúde”, explicou o secretário.

Os micro-ônibus são equipados com ar-condicionado, poltronas reclináveis e aparelhos de TV e DVD. Um agente de saúde capacitado para ajudar pessoas que necessitam de cuidados especiais acompanha os pacientes durante todo o trajeto.

Os motoristas são treinados para a direção defensiva e econômica. Todos os veículos são monitorados via satélite, o que possibilita a localização on-line do veículo 24 horas por dia. Os sete veículos entregues (Fiat Uno) darão apoio às ações na área de gestão dos Consórcios Intermunicipais de Saúde.

Cobertura

Em 2011, os micro-ônibus realizaram 110 mil viagens, transportando 1,8 milhão de homens entre pacientes e acompanhantes aos diversos estabelecimentos de saúde localizados em Minas Gerais.

Desde a criação do programa, em 2005, o Governo de Minas já entregou 499 micro-ônibus para 47 Consórcios Intermunicipais de Saúde, cobrindo 524 municípios e beneficiando 8,1 milhões de pessoas no Estado. O investimento total foi de R$ 98 milhões de recursos do Tesouro estadual.

Assista:

 

PSDB-Mulher inicia fortalecimento nas cidades


Brasília – O PSDB Mulher lança um projeto para fortalecimento de suas atividades em todos os municípios do país. O primeiro passo da iniciativa será dado na quarta-feira (25), em Palmas, com a abertura do secretariado municipal do núcleo feminino do partido na cidade. Depois da capital do Tocantins, outras cidades sediarão encontros semelhantes.

As capitais – além de Palmas, haverá eventos em Fortaleza, Teresina e outras – são consideradas centros de difusão dos ideais do PSDB Mulher. A expectativa é que a consolidação dos grupos nas principais cidades, aliada às ações dos secretariados estaduais, seja um estímulo para que o PSDB-Mulher esteja presente e atuante em todos os municípios do Brasil. Para o partido, a intensificação do trabalho do PSDB Mulher na esfera municipal se torna ainda mais vital em um ano como 2012, no qual serão realizadas eleições em todo o país para a escolha de prefeitos e vereadores.

“O PSDB considera que a atuação das mulheres na política não deve ser vista como algo acessório ou um simples anexo. É elemento vital da transformação que a política deve proporcionar a cada um dos brasileiros”, declarou o presidente nacional do partido, o deputado federal Sérgio Guerra (PE).

Ainda não estão definidas as datas dos lançamentos dos secretariados do PSDB Mulher em outras capitais. O núcleo é presidido pela ex-deputada federal Thelma de Oliveira (MT).

Ceci Cunha

O PSDB Mulher teve participação decisiva na mobilização que pediu o julgamento dos acusados da morte da deputada Ceci Cunha (AL) e de mais três pessoas. O crime, ocorrido em 1998, permaneceu sem solução por mais de 13 anos, até a realização do julgamento, concluído em janeiro de 2012. Os quatro acusados pela chacina foram condenados.

O braço feminino do partido realizou mobilizações, tanto em Alagoas quanto em outras regiões do Brasil, em que pedia o fim da impunidade. Em um destes atos, ocorrido em Brasília, as militantes espalharam cruzes no gramado da Esplanada dos Ministérios, para lembrar as quatro vítimas da chacina.

Encontro nacional

Em março, o PSDB Mulher promoverá um encontro nacional em Brasília, no qual é esperada a presença de cerca de 1.500 militantes. O evento incluirá atividades de mobilização, preparação para as eleições municipais e debates sobre temas ligados à causa feminina, como o empreendedorismo e o combate à violência doméstica.

O PSDB espera lançar, em 2012, 7 mil mulheres candidatas às prefeituras e câmaras municipais.


Saiba como ajudar os desabrigados das chuvas em nosso estado

Fonte: Agência Minas

BELO HORIZONTE (06/01/12) – Por meio do Movimento Minas Solidária, o Serviço Voluntário de Assistência Social (Servas-MG) e a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec-MG) iniciaram, nesta sexta-feira (6), em todo o Estado, campanha de solidariedade para arrecadação de doações para atendimento emergencial a famílias desalojadas e desabrigadas em mais de 80 municípios atingidos pelas chuvas.

Até o momento, são 87 municípios que se encontram em de emergência, mais de 9.880 pessoas desalojadas e mais de 5.000 desabrigadas, que tiveram suas casas destruídas ou danificadas e precisam de itens como leite em pó, fraldas descartáveis, material de higiene e limpeza, roupas e utensílios domésticos.

A Cedec-MG se responsabiliza pela rápida distribuição dos itens para socorro das famílias, de acordo com o mapa dos danos causados nas regiões atingidas, atualizado o tempo todo.  “O Minas Solidária, constituído em 2003, mobiliza o poder público, prefeituras, entidades de classe, veículos de comunicação e a sociedade organizada, articula ações que têm como base a solidariedade humana. Esse é o espírito que dá caráter permanente ao Movimento”, lembra a presidente do Servas, Andrea Neves da Cunha.

Como fazer as doações

As doações podem ser entregues nos batalhões da Polícia Militar e nas unidades do Corpo de Bombeiros espalhados por todas as regiões do Estado. No site www.servas.org.br estão relacionados os batalhões e unidades da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros com os respectivos endereços para entrega das doações.

O Servas também está preparado para receber doações em sua sede localizada em Belo Horizonte à avenida Cristóvão Colombo, 683, bairro Funcionários (telefone: 3349-2400). Doações financeiras podem ser depositadas na conta do Banco do Brasil – Agência 1229-7 – C/C- 64.529-X

Sobre o Movimento Minas Solidária

O Movimento Minas Solidária foi instituído em 20 janeiro de 2003 pelo Governo de Minas e pelo Servas e mobilizou a sociedade organizada contra as consequências das chuvas que atingiram o Estado naquela época, as piores dos últimos 18 anos.

Desde então, sob a coordenação institucional do Servas e operacional da Cedec, o movimento reúne entidades de classe, empresas privadas, sindicatos, veículos de comunicação, prefeituras e cidadãos com o objetivo de formar uma rede de solidariedade e apoio às famílias prejudicadas. Essa iniciativa tem permitido a realização de uma das maiores campanhas de voluntariado e doações da história de Minas Gerais.

O Minas Solidária é resultado dessa parceria, que se dá em duas etapas: a primeira, de socorro emergencial, para atender às necessidades imediatas de abrigo, alimentação, agasalhos e medicamentos, entre outras; a segunda, de construção de moradias para as famílias que moram em regiões atingidas pelas chuvas.